Tratamentos

Anafilaxia

É uma reação alérgica grave que causa dificuldade para respirar, perda da consciência e até mesmo pode levar o alérgico a óbito. É uma situação emergencial que requer tratamento médico imediato e acompanhamento por um profissional alergista e imunologista no decorrer da vida. A anafilaxia ocorre em pessoas expostas a uma substância a qual tem alergia. Os agentes causadores mais comuns são os alimentos, medicamentos, vacinas e picadas de insetos.

A anafilaxia é uma reação sistêmica, isso é, afeta várias partes do corpo, ocorrendo normalmente na pele, no sistema respiratório, no estômago e no sistema circulatório. Os sintomas mais comuns aparecem em distintas áreas do corpo, sendo elas normalmente:

  • Pele: urticária, ou seja, placas vermelhas, coceira, vermelhidão;
  • Respiratório: chio no peito, falta de ar, aperto na garganta, tosse, rouquidão, dor no peito, congestão nasal, dificuldade de engolir;
  • Estômago: Náusea, vômitos, diarreia, cólicas, coceira na boca e na garganta;
  • Circulação: palidez, pulso fraco, tontura, queda na pressão arterial.

A reação geralmente ocorre dentro de alguns minutos após a exposição ao agente que causa a alergia.

Quando a causa é alimentar, os produtos mais comuns são os peixes, frutos do mar, leite, ovos e amendoim. Se exposto a picadas de insetos, é comum que seja por meio de vespas, abelhas, formigas, marimbondos. Na indústria farmacêutica, é possível que antibióticos, anticonvulsivantes, vacinas e radiocontraste possam desencadear a anafilaxia e, para aqueles alérgicos a látex, vale a pena sempre prestar atenção pois ele também é um agente ativador.

Caso você já tenha tido um quadro de anafilaxia, deve procurar um alergista e imunologista para ser avaliado e determinar a causa de sua reação. Após a identificação da causa da anafilaxia, o médico alergista vai fornecer informações detalhadas sobre como evitar a substância que desencadeia a reação alérgica e, assim, ter uma vida mais saudável.

Uma dica importante: sempre informe outros profissionais de saúde sobre o quadro clínico e quais produtos te causam alergia.

Voltar

Veja também